Dia das Crianças deve movimentar R$ 132 mi em MS

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Print
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

dia criança

A economia de Mato Grosso do Sul deve movimentar R$ 131,93 milhões em alusão ao Dia das Crianças, celebrado no dia 12 de outubro, um aumento de 1,34% em relação a 2018, segundo o levantamento do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento da Fecomércio-MS.

Do valor total, R$ 97,18 milhões serão destinados a presentes e R$ 34,74 milhões devem ser gastos em comemorações com os pequenos.

O valor médio do presente ficou em R$ 154,01, aumento de 11% na comparação com a pesquisa de 2018. Já o gasto médio com as comemorações a data teve queda de 12%, atingindo os R$ 109,58. Entre os que vão presentear, 87% disseram que vão para alguma atividade de lazer ou interação.

A pesquisa aponta que o maior gasto médio pode ocorrer em Três Lagoas, custando R$ 167,26, e as comemorações ficaram em R$ 136,79 em Corumbá e Ladário. Na Capital, a estimativa é de que sejam movimentados R$ 25,3 milhões, com valor médio de R$ 133,19.

Os brinquedos aparecem na preferência dos entrevistados, com 47%, seguidos por roupas (24%) e calçados (7%).

“As famílias até abrem mão das comemorações para reduzir os gastos, mas do presente não. E neste ano percebemos um aumento no número de pessoas que vão presentear e do gasto médio com presentes”, diz a economista Daniela Dias.

O levantamento foi realizado com 1.695 pessoas de Campo Grande, Corumbá, Ladário, Bonito, Coxim, Dourados, Ponta Porã e Três Lagoas, entre 13 e 23 de setembro.