Produção de ovos de galinha bate novo recorde em MS e chega a 912 milhões

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Print
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Produção de ovos de galinha bateu recorde em Mato Grosso do Sul no ano passado, com produção de 76 milhões de dúzias. As informações foram divulgadas nesta terça-feira (15) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). O número representa uma variação de 27,5% em relação a 2020, o que significa novo recorde na série histórica da pesquisa, iniciada em 1987.

Só no 4º trimestre de 2021 foram produzidas 19 milhões de dúzias de ovos no estado, um aumento de mais de 2,2 milhões, ou 13,2% em relação ao mesmo período do ano anterior. Caso o volume produzido seja comparado com o trimestre imediatamente anterior, aí fica constatado recuo de 1,9%, já que no 3º trimestre de 2020 foram produzidos 19,3 milhões.

Brasil – A nível nacional, a produção de ovos de galinha em 2021 foi de 3,98 bilhões de dúzias, um aumento de 0,2% em relação a 2020, o que representa 8,92 milhões de dúzias de ovos a mais no comparativo 2021/2020.

De acordo com o IBGE, o acréscimo foi consequência do aumento de produção em 15 das 26 unidades da federação que possuem granjas enquadradas no universo da pesquisa. Ainda entre os estados brasileiros, Mato Grosso do Sul é o que figura com maior aumento na produção, ficando atrás do Ceará.